Assistência Estudantil

A Assistência Estudantil na Unipampa é regulamentada pela Resolução nº 84, de 30 de Outubro de 2014 (CONSUNI/UNIPAMPA) em consonância com o Decreto 7.234, de 19 de julho de 2010, que dispõe sobre o Programa Nacional de Assistência Estudantil (PNAES), e na Portaria Normativa 39, de 12 de dezembro de 2007, do MEC/SESU, que institui o Programa Nacional de Assistência Estudantil (PNAES).

De acordo com a Resolução n° 84: “Art. 1º, a Assistência Estudantil, por meio de suas ações, visa criar condições para garantir o acesso e a permanência dos estudantes na Instituição, de forma a atender a comunidade universitária multicampi na perspectiva da inclusão social, contribuindo para a construção de uma sociedade mais justa e igualitária.”

A Política de Assistência Estudantil da Unipampa é materializada por meio das seguintes ações:

 

Plano de Permanência

1. Programa de Alimentação Subsidiada:

Auxílio Alimentação: Destina-se a contribuir com as despesas provenientes da necessidade de refeição diária do discente. Onde houver RU em funcionamento, o valor do auxílio é de R$ 80,00 (oitenta reais). Nos demais campi, o auxílio será no valor de R$ 160,00 (cento e sessenta reais).

Alimentação Subsidiada: Nos campi onde estiver em funcionamento o Restaurante Universitário, os beneficiários do Plano de Permanência poderão acessar o RU com o valor da refeição totalmente subsidiado pela Universidade.

Subsídio parcial de Alimentação: Destina-se ao custeia de em torno de 70% do valor por refeição de todos estudantes de graduação da Unipampa, independente da comprovação de renda, proporcionando acesso a uma refeição de qualidade, balanceada e de preço acessível.

Restaurantes universitários: O Restaurante Universitário está em funcionamento nos campi de Alegrete, Bagé, Caçapava do Sul, Dom Pedrito, Itaqui, Jaguarão, São Borja e São Gabriel. Em Uruguaiana o R.U. está em reforma, com previsão de reinauguração em 2018. Em Santana do Livramento o R.U. está em construção, com previsão para 2019.

 

2. Programa de Moradia Estudantil:

Auxílio-Moradia: no valor de R$ 250,00 (duzentos e cinquenta reais), visa contribuir com as despesas decorrentes de pagamento de aluguel ou similar, de discentes cuja residência seja externa ao município de seu Campus ou na zona rural e que necessitem fixar residência em região urbana no município onde está localizado o respectivo Campus.

Vaga na Moradia Estudantil: espaço de acolhimento e moradia, de caráter temporário e gratuito, aos acadêmicos que apresentem comprovada situação de vulnerabilidade socioeconômica e provenham da zona rural ou de municípios externos ao do Campus. Por enquanto, apenas o Campus Santana do Livramento tem Moradia Estudantil em funcionamento.

 

3. Programa de Apoio ao Transporte:

Auxílio-Transporte: visa contribuir com despesas de transporte até o Campus e/ou para atividades acadêmicas regulares, no valor de R$ 80,00 (oitenta reais).

Auxílio-Transporte Rural: auxílio financeiro para despesas com transporte na realização de atividades acadêmicas concedido aos estudantes que necessitem se deslocar para frequentar as aulas e em comprovada situação de vulnerabilidade socioeconômica, que comprovem residir na zona rural do município-sede do Campus a que estejam vinculados, no valor de R$ 100,00 (cem reais).

 

4. Programa de Auxílio Creche:

Auxílio Creche: auxílio financeiro aos estudantes de graduação presencial em situação de vulnerabilidade socioeconômica, oriundos da rede pública de educação e que tenham filhos em idade de zero até 5 (cinco) anos, 11 (onze) meses e 29 (vinte e nove) dias, no valor de R$ 80,00 (oitenta reais) por filhoComo acessar os auxílios?

Em cada campus existe um Núcleo de Desenvolvimento Educacional (NuDE), com uma equipe multidisciplinar. É nesse setor que o estudante busca orientações e realiza a entrega de documentações para participar dos processos de seleção dos Auxílios de Assistência Estudantil.

Cada edição de programa de auxílio é regulamentada por edital específico, que indica os valores dos auxílios, prazos, documentação requerida e condicionalidades de manutenção do auxílio.

 

Programa de Apoio ao Ingressante


O Programa de Apoio ao Ingressante consiste na concessão de auxílio financeiro, de natureza eventual e provisória, aos estudantes ingressantes em cursos presenciais de graduação, provindos de localidades diversas às da cidade-sede da Unidade Acadêmica a que estejam vinculados, e que se encontram em situação comprovada de vulnerabilidade socioeconômica.

Tem como objetivo oferecer condições de acesso, permanência na graduação presencial, para suprir as necessidades básicas no lapso temporal entre o ingresso do estudante na Universidade e a conclusão do processo seletivo de ingresso aos programas de assistência estudantil.


Como concorrer ao auxílios?

Em cada campus existe um Núcleo de Desenvolvimento Educacional (NuDE), com uma equipe multidisciplinar. É nesse setor que o estudante busca orientações e realiza a entrega de documentações para participar dos processos de seleção dos Auxílios de Assistência Estudantil.

Cada edição de programa de auxílio é regulamentada por edital específico, que indica os valores dos auxílios, prazos, documentação requerida e condicionalidades de manutenção do auxílio.

Este ano, já foi publicado os dois editais que norteiam o processo de inscrição e seleção dos candidatos ao Programa de Apoio ao Ingressante e a Plano de Permanência, segue os links para acessá-los:

Edital 008/2018 – Plano de Permanência 2018
Edital 007 – Plano de Apoio ao Ingressante

Contato dos NUDEs: http://porteiras.r.unipampa.edu.br/portais/praaec/contato-nudes/

 

Ainda, a Unipampa conta com outros Programas específicos para atendimento os estudantes, que deverão ser publicados ao longo do ano, e podem ser acessados na página da Pró-Reitoria.